Dr. Jorge Huberman

  >  crianças   >  Leitura infantil: importância e como incentivá-la 
a leitura infantil é essencial

Leitura infantil: importância e como incentivá-la 

A importância da leitura infantil é inquestionável, afinal, ela estimula a criatividade, trabalha a imaginação, exercita a memória, aumenta o vocabulário, entre outros benefícios. E, para torná-la um hábito, é essencial que seja incentivada desde a infância, em casa e nas escolas. Por isso, vamos dar algumas dicas sobre o tema; leitura infantil: saiba tudo sobre sua importância e como incentivá-la. 

Em primeiro lugar, vamos dar uma boa notícia: quanto mais cedo você começar a estimular a leitura, maior a chance do seu filho pegar gosto pelo hábito e pelas aventuras que estão guardadas entre as linhas de um livro. 

Fazer uma criança gostar de ler pode parecer um bicho de sete cabeças, mas a verdade é que a prática pode ser feita diariamente, de forma simples e divertida.

Durante esses momentos, de quebra, você ainda vai criar mais memórias afetivas com seu filho! 

Pode soar estranho falar da importância de incentivar a leitura infantil, antes mesmo que seu filho aprenda a ler e escrever.

Mas essa antecipação é bastante válida e vai contribuir para que a criança pegue mais gosto pelo hábito de leitura ao longo da vida. 

E não há motivo para se desesperar: essa prática é super simples!

Para instigar o gosto pela leitura nas crianças pequenas, você só vai precisar dispor de alguns minutos do seu dia para ler uma história. 

Esse novo hábito pode acontecer antes de dormir, ou no meio do dia, conforme a rotina da família. A verdade é que não importa o momento, desde que você consiga tirar esse tempinho para a contação de histórias. 

De acordo com o pediatra Jorge Huberman, existem caminhos que facilitam esse primeiro contato, como por exemplo: ensinar a diferença entre letras, desenhos e símbolos, apresentar o alfabeto, incentivar a leitura em todo lugar (sempre dando o exemplo para criança). “Para facilitar ainda mais nesse processo de aproximação com a leitura, use gibis, livrinhos e jogos”, explica o especialista.

Leitura infantil: importância e como incentivá-la; como isso funciona na prática?

incentive a leitura infantil
Incentivar a leitura infantil em casa pode ser mais fácil que você imagina (Foto: Pixabay)

Com o livro em mãos, busque mostrar as figuras e as páginas após lê-las. Isso vai despertar a curiosidade e a criatividade das crianças.

Com as histórias, eles vão viajar na imaginação e começar a ter mais e mais interesse em ouvi-las.

Além disso, ao mostrar as páginas dos livros, a criança vai associar toda aquela brincadeira imaginária ao conto que você declama – e que sim, tudo aquilo vem de algumas palavras em uma obra literária. 

Essa associação provavelmente fará com que seu filho tenha interesse em aprender a ler e escrever o quanto antes, para conseguir viajar por mundos encantados sozinho, sem precisar da sua ajuda. 

Mesmo que a criança ainda não saiba ler, quando terminar as histórias ou antes de começá-las, deixe-a brincar com o livro, folheando e, até mesmo, tentando contar a narrativa apenas olhando para os desenhos. 

Esse estímulo inicial e o contato físico com o livro farão toda a diferença no futuro dele (a) como leitor. 

As crianças amam imitar os pais nas mais diversas atividades do dia a dia e a leitura não escapa dessa constante.

Justamente por isso, é muito importante que, como pai ou mãe, você também demonstre interesse pela leitura. 

Ao ver você lendo um livro, seu filho vai desenvolver mais curiosidade pela prática e vai tentar te copiar, começando a folhear as páginas ou até mesmo a ler também. 

As crianças são muito observadoras e tendem a reparar em cada detalhe das atitudes dos pais.

Por isso, eles provavelmente vão se atentar se você tem o hábito de ler. Um bom exemplo também é uma forma de incentivar a leitura infantil. 

Entender os gostos das crianças ajuda a incentivar a leitura infantil 

Muito além do hábito de ler junto, contar histórias e demonstrar que você também se interessa por isso e se atentar ao gosto das crianças, também vai te ajudar a incentivar a leitura infantil. 

Essa análise pode ser feita diariamente, enquanto vocês leem juntos. Procure perceber quais tipos de histórias chamam mais atenção do seu filho e quais o distraem ou até mesmo causam sono. 

Ao entender esse gosto, busque por livros que estão relacionados a ele.

Nada melhor, para incentivar a leitura infantil, do que mostrar que a prática não é uma obrigação, mas sim um prazer. 

Descobrir esse prazer na literatura provavelmente fará com que a criança alimente o hábito de ler pelo resto da vida. Isso porque, com o tempo, será sinônimo de prazer e uma escolha para relaxar e se distrair, e não uma obrigação rotineira. 

Outra boa dica para incentivar a leitura infantil é ir além das páginas dos livros. Procure conversar com seu filho sobre a história que vocês leram, promovendo debates sobre o que ele mais gostou e os pontos que não achou tão legal assim. 

leitura infantil
Algumas dicas vão te ajudar a incentivar a leitura infantil em casa (Foto: Pixabay)

Essas conversas vão transformar a leitura em um ponto em comum entre vocês dois.

Como as crianças amam ter o que falar com os pais e se sentirem a par da vida dos adultos, essas conversas, se feitas de forma respeitosa, vão fazer com que ele queira ler mais e mais.

Além da fala, outra possibilidade de incentivar a leitura infantil e ir além dos livros é promover passeios relacionados ao que foi lido. 

Após ler um conto sobre animais, por exemplo, tire um tempo para um passeio com seu filho ao zoológico.

Quando passarem pelas jaulas, relembre com ele o que cada animal representava ou falava no livro que leram juntos. 

Continue incentivando a leitura infantil depois da alfabetização 

A prática de relembrar os contos é ótima para estimular a memória e também a criatividade. 

Não é só porque seu filho já sabe ler, que você não precisa mais incentivá-lo, afinal, o hábito da leitura agrega em qualquer fase da vida.

Então, depois que as crianças forem alfabetizadas, é essencial manter a leitura na rotina. Para isso, busque livros fáceis, com figuras e encoraje-o a ler o conto todo sozinho. 

No começo, é normal que as crianças queiram desistir, pela dificuldade em acompanhar o livro. Nesses momentos, é muito importante que você o incentive e encoraje seu filho a ir até o final. 

Para isso, você pode pedir que ele leia a história para você ou pode oferecer um bônus para cada livro ou coletânea lida.

Aos poucos, a prática vai ficando mais fácil e, se você souber buscar por contos cujos temas são de interesse do seu filho, ele provavelmente vai se encantar e se apaixonar cada vez mais pela leitura à medida que for crescendo. 

Adapte os livros para cada fase da vida 

Por último, mas não menos importante, para instigar o gosto e interesse pela leitura, é necessário adaptar os livros para cada idade e fase da vida.

Com crianças pequenas, procure por pequenos contos, fábulas e histórias fáceis. 

Conforme eles forem crescendo, busque por livros um pouco maiores, do tema de interesse deles.

Com o passar do tempo, desafie-o a ler um livro sem figuras e continue incentivando o hábito durante a adolescência também. 

Assim como tudo, a leitura também é uma prática que precisa ser contínua e aprimorada para ir além da infância, ou seja, deve ser presente com o passar do tempo e idade. Se for o caso, consulte um pediatra para te ajudar nesse processo.

Para marcar uma consulta com o pediatra e neonatologista Dr. Jorge Huberman, ligue para (11) 2384-9701.